Wonder Woman (5ª Série) Annual

Wonder Woman (5ª Série) Annual
___________________________________________________________________________



Esta série está sendo publicada desde julho de 2017. Lançadas em formato americano, com páginas coloridas cada edição. Publicação anual.

Wonder Woman (Mulher-Maravilha) foi criada por William Moulton Marston e H. G. Peter. Sua estreia nos quadrinhos ocorreu nas páginas da revista All Star Comics #08, em outubro de 1941. Em janeiro de 1942 a heroína passou a ser publicada como carro-chefe nas páginas da revista Sensation Comics, sendo destaque em praticamente todas as capas.

A história de origem da Mulher Maravilha relata que ela foi esculpida em argila por sua mãe, Rainha Hipólita, e recebeu uma vida para viver como uma Amazônia, junto com poderes sobre-humanos como presentes pelos deuses gregos. Nos últimos anos, DC mudou seu passado com a opinião de que ela é filha de Zeus e Hipólita, criada em conjunto por sua mãe e suas tias Antíope e Menalippe. 

A primeira série, que foi publicada em 1942,  foi um sucesso e transformou a heroína na maior símbolo feminino de todos os tempos, quebrando muitas barreiras e preconceitos principalmente nos primeiros anos de publicação. O título durou 329 edições.

A segunda série, aclamada por muitos leitores, iniciou com a grande fase de George Perez. Publicada em 1987, a Mulher Maravilha recebeu uma transformação completa e absoluta, ainda mais do que o Homem de Aço e o Cavaleiro das Trevas. Suas aventuras começaram do zero e, ao contrário das origens renovadas do Superman e do Batman, ocorreram no presente, e não em um flashback. O título teve 226 edições publicadas.

A terceira série foi publicada em 2006 após o evento "Infinite Crisis". O título com Donna Troy como Mulher Maravilha e com Diana desaparecida. Quando Diana retorna, ela assume o nome de Diana Prince e se torna uma agente secreta do Departamento de Assuntos Metahumanos. Sua primeira missão é resgatar sua irmã sequestrada Donna Troy. Depois que isso foi realizado, Diana retomou o manto de Mulher Maravilha. Após a edição #44 a editora começou a numerar as revistas com a contagem original desde a primeira série e com isso comemorou a 600ª edição, tendo o título cancelado na edição #614.

A quarta série ocorreu em 2011 por conta da reformulação chamada "New 52", onde a editora reiniciou todos os seus títulos. Essa fase foi inicialmente uma visão incorporada pelo escrito Brian Azzarelo, muito aclamado pelos leitores por suas grandes obras lançadas no selo Vertigo e neste título da amazona mais famoso dos quadrinhos não fez diferente, recebeu as melhores críticas possíveis, tanto que a livraria virtual mais famosa do mundo, Amazon, colocou o primeiro encadernado do título, com o arco Blood, como o oitavo melhor lançamento do ano na linha de quadrinhos.

A quinta série ocorreu com outra reformulação por parte da DC Comics, agora com o nome de "DC Rebirth", o título inicialmente escrito por Greg Rucka retorna ao passado da heroína descobrindo novos segredos. A editora para comemorar um marco na publicação, fez o mesmo que na terceira série, o que era para ser a edição #84, ela começou a publicar a numeração #750 e assim seguiu adiante.

Wonder Woman (5ª Série) Annual apresenta histórias completas e inéditas geralmente interligadas com o titulo regular.

Este título possui 01 capa alternativa.


Galeria de Capas:

Edição 001
Julho de 2017

Edição 002
Agosto de 2018

Edição 003
Dezembro de 2019

Edição 004
Outubro de 2020

Edição 005
Dezembro de 2021

Edição 005
Dezembro de 2021



 
O conteúdo deste site é exclusivamente informativo, não tem fins lucrativos. Seu objetivo é servir como fonte de pesquisa para todo o público interessado. Respeitamos e sempre fazemos referência aos direitos autorais dos criadores dos Personagens, das Editoras e dos Artistas. Copyright © | Enciclopédia HQ 2013 | Todos os Direitos Reservados