Mandrake (RGE)

Mandrake

_____________________________________________________________________



Foi publicado entre abril de 1953 e fevereiro de 1983. Foram lançadas 325 edições em formato Americano e  formatinho, com páginas em preto e branco e coloridas.

Mandrake foi criado por Lee Falk em junho de 1934, encarregando ao desenhista Phil Daves os traços de suas histórias. O personagem foi inspirado em Leon Mandrake, um ilusionista dos anos 20 que se aparentava igual ao herói, com uma cartola, capa de seda escarlate e bigode. Foi o suficiente para Daves criar o personagem.

Mandrake é um ilusionista que se vale de uma impossível técnica de hipnose instantânea, aplicada com os olhos e gestos das mãos, e de poderes telepatas. Quando executa seu gesto hipnótico, a arma do vilão se transformava em um buquê de rosas ou numa pomba, por exemplo. Sua noiva, a princesa Narda de Cockaigne, fictício reino na Europa oriental, e seu companheiro inseparável, Lothar, gigante príncipe africano que abandonou sua tribo para acompanhar o mágico e surrar os bandidos com sua força, são os personagens mais constantes nas histórias. Lothar, provavelmente, foi o primeiro personagem negro nas histórias em quadrinhos, mesmo que de uma forma caricata, usando roupas de pele e um chapéu típico turco.

No Brasil o personagem teve sua estréia no ano seguinte à sua criação nos quadrinhos. Isso aconteceu nas páginas da edição 101 da revista Suplemento Juvenil, de 1935.
Entre 1935 e 1953, o personagem não teve título próprio, mas isso não impediu de ser destaque nas revistas em que publicavam suas histórias, como Mirim, Gibi, Gibi Mensal, Biblioteca Mirim, Globo Juvenil, este último contribuiu demais para a popularização do personagem em nosso país, mas foi na revista Gibi, mais precisamente na sua última fase com o título de "Novo Gibi" que o personagem teve seu grande destaque e, consequentemente, sua passagem para as revistas próprias.

Em 1953 começou, pela editora RGE o título próprio do personagem, foram publicadas 325 edições no total de abril de 1953 a fevereiro de 1983, a série começou no formato americano, mas foi reduzido para o formatinho em agosto de 1975 a partir da edição 232.

A revista foi publicada bimestralmente até dezembro de 1960 e depois passou a ser mensal. Muitos artistas contribuíram para a revista ao longo dos anos, incluindo Luiz Fernando Guimarães (lutz), Juarez P. Getulio Delphin, Ares, Domingos Cevera, Gutemberg Monteiro, Walmir Amaral de Oliveira, Baptista, Miguel Piedra, Sérgio, Adir Teixeira, Milton Sardella, Evaldo de Oliveira, Joaquim de Oliveira Monte Novo, Marcio, Juarez Odilon, Primaggio Mantovi, Norival, José Menezes e Carlos.

O título regular da editora RGE foi considerado o mais longevo do personagem em todo o mundo, com mais de 30 anos de publicação, sem interrupção.


 Galeria de Capas:

Edições 001 ao 005
______________________



Edições 006 ao 010
______________________



Edições 011 ao 015
______________________



Edições 016 ao 020
______________________



Edições 021 ao 025
______________________



Edições 026 ao 030
______________________



Edições 031 ao 035
______________________



Edições 036 ao 040
______________________



Edições 041 ao 045
______________________



Edições 046 ao 050
______________________



Edições 051 ao 055
______________________



Edições 056 ao 060
______________________



Edições 061 ao 065
______________________



Edições 066 ao 070
______________________



Edições 071 ao 075
______________________



Edições 076 ao 080
______________________



Edições 081 ao 085
______________________



Edições 086 ao 090
______________________



Edições 091 ao 095
______________________



Edições 096 ao 100
______________________


Edições 101 ao 105
______________________



Edições 106 ao 110
______________________



Edições 111 ao 115
______________________



Edições 116 ao 120
______________________



Edições 121 ao 125
______________________



Edições 126 ao 130
______________________



Edições 131 ao 135
______________________



Edições 136 ao 140
______________________



Edições 141 ao 145
______________________



Edições 146 ao 150
______________________



Edições 151 ao 155
______________________



Edições 156 ao 160
______________________



Edições 161 ao 165
______________________



Edições 166 ao 170
______________________



Edições 171 ao 175
______________________



Edições 176 ao 180
______________________



Edições 181 ao 185
______________________



Edições 186 ao 190
______________________



Edições 191 ao 195
______________________



Edições 196 ao 200
______________________


Edições 201 ao 205
______________________



Edições 206 ao 210
______________________



Edições 211 ao 215
______________________



Edições 216 ao 220
______________________



Edições 221 ao 225
______________________



Edições 226 ao 230
______________________



Edições 231 ao 235
______________________



Edições 236 ao 240
______________________



Edições 241 ao 245
______________________



Edições 246 ao 250
______________________



Edições 251 ao 255
______________________



Edições 256 ao 260
______________________



Edições 261 ao 265
______________________



Edições 266 ao 270
______________________



Edições 271 ao 275
______________________



Edições 276 ao 280
______________________



Edições 281 ao 285
______________________



Edições 286 ao 290
______________________



Edições 291 ao 295
______________________



Edições 296 ao 300
______________________



Edições 301 ao 305
______________________



Edições 306 ao 310
______________________



Edições 311 ao 315
______________________



Edições 316 ao 320
______________________



Edições 321 ao 325
______________________


Retornar ao Menu

 
O conteúdo deste site é exclusivamente informativo, não tem fins lucrativos. Seu objetivo é servir como fonte de pesquisa para todo o público interessado. Respeitamos e sempre fazemos referência aos direitos autorais dos criadores dos Personagens, das Editoras e dos Artistas. Copyright © | Enciclopédia HQ 2013 | Todos os Direitos Reservados